terça-feira, 12 de junho de 2012

Saudade em Portugal e saudade na Irlanda

"The past beats inside me, like a second heart" é uma confissão do escritor irlandês John Banville no seu romance "The Sea", laureado em 2005 com o Man Booker Prize.

Para a transpor para Português e lhe manter a força extraordinária que transmite no original Inglês, eu não faria uma tradução literal, preferiria optar por dizer "Como se fosse um segundo coração, sinto o passado pulsar dentro de mim".

Adoto inteiramente este sentimento do autor irlandês. Mas esse segundo coração que sinto bater dentro de mim, esse coração que vai buscar ao passado força para viver o presente e enfrentar o futuro, é por certo a sede onde reside o que nós, portugueses, designamos por saudade.

Por isso sou forçado a concluir que a saudade não é um exclusivo de Portugal; é um estado de alma que também se vive na Irlanda.

0 comentários: